Uma interpretação de consciência corporal como valor humano em um contexto de educação e reeducação postural

Ana Lúcia Machado Habib

Resumo


A expressão consciência corporal tem uma multiplicidade de signifi cados, o que propicia uma difi culdade em se desenvolver uma interpretação acerca da mesma quando circunscrita em um enfoque específi co e no contexto de alguma área do conhecimento. Este estudo teve por objetivo estabelecer uma interpretação de consciência corporal como valor humano, que pudesse nortear o contexto das condutas e/ou comportamentos motores da Reeducação Postural Global – RPG. Tal interpretação se refere ao ente adolescente do Ser do Homem portador de um desvio postural. Este é um estudo de natureza fi losófi ca, tendo como metodologia o método fenomenológico proposto por Reale.Concluiu-se que, a consciência corporal como valor humano, constitui uma condição que se refere tanto ao fi sioterapeuta, quanto ao adolescente, os quais necessitam, mutuamente vivenciá-la, para que possam compreendê-la verdadeiramente. Condição esta, que designa um estado de tornar-se cônscio de ser um ser-existente em estado permanente de carência, vacuidade e privação, inserido em uma realidade de circunstância, facticidade e corporeidade, permeada pela temporalidade e historicidade que compreendem a conformação do Ser do Homem em um vir a ser Humano. Tudo isto a partir dos valores éticos e morais, que regem o agir tanto do fi sioterapeuta como do ente adolescente com desvio postural em uma perspectiva humanizada inserida em um complexo contexto sócio-histórico de um abrangente processo educacional e cultural. Palavras-chave: consciência corporal, fi sioterapia, Reeducação Postural Global, ser-humano

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.33233/fb.v7i6.1946

Apontamentos

  • Não há apontamentos.