Sobrecarga do cuidador familiar da pessoa idosa com Alzheimer

Sara Melissa Lago Sousa, Dairla Farias Ferreira, Lucia Hisako Takase Gonçalves, Sandra Helena Isse Polaro, Daiane de Souza Fernandes

Resumo


Objetivo: Avaliar a sobrecarga do cuidador informal de idosos com Alzheimer e analisar seu perfil socioeconômico e epidemiológico. Métodos: Estudo descritivo, transversal, de cunho quantitativo, realizado com 69 cuidadores familiares de idosos. Foram coletados dados referentes as condições socioeconômicas, epidemiológicas e nível de sobrecarga do cuidador. Resultados: O perfil desses cuidadores evidenciou predomínio de mulheres (91,3%), casadas (50,7%), com idade avançada (31,9%), grau de escolaridade médio (42,0%), que não exercem atividade remunerada (58,0%) e renda de até 2 salários mínimos (34,8%). Demonstrou-se que um grande percentual de cuidadores apresenta mais de uma doença como transtornos psicológicos, doenças crônicas não transmissíveis e problemas na coluna (37,7%). Constatou-se que a maioria dos cuidadores apresentavam sobrecarga intensa (59,4%). Conclusão: Evidenciou-se necessidade de suporte pela equipe de Enfermagem aos cuidadores.

Palavras-chave: doença de Alzheimer, demência, cuidadores, enfermagem geriátrica, cuidados de enfermagem.


Texto completo:

HTML PDF

Referências


Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Envelhecimento e saúde da pessoa idosa. Brasília: Ministério da Saúde; 2006.

Marins AMF, Hansel CG, Da Silva J. Behavioral changes of elderly with Alzheimer’s Disease and the burden of care for the caregiver. Esc Anna Nery 2016;20(2):352-6. https://doi.org/10.5935/1414-8145.20160048

Oliveira JSC, Ferreira AOM, Fonseca AM, Paes GO. Desafios de cuidadores familiares de idosos com doença de Alzheimer inseridos em um grupo de apoio. Rev Enferm UFPE on line 2016;10(2):539-44.

Fernandes JSG, Andrade MS. Revisão sobre a doença de Alzheimer: diagnóstico, evolução e cuidados. Psicologia, Saúde & doenças 2017;18(1):131-40. https://doi.org/10.15309/17psd180111

Mendes CFM, Santos ALS. O cuidado na Doença de Alzheimer: as representações sociais dos cuidadores familiares. Saúde Soc 2016;25(1):121-32. https://doi.org/10.1590/S0104-12902015142591

Scazufca M. Brazilian version of the Burden Interview scale for the assessment of burden of care in carers of people with mental illnesses. Rev Bras Psiquiatr 2002;24(1):12-7. https://doi.org/10.1590/S1516-44462002000100006

Bianchi M, Flesch LD, Alves EVC, Batistoni SST, Neri AL. Zarit Burden Interview Psychometric Indicators applied in older people caregivers of other elderly. Rev Latinoam Enfermagem 2016;24:e2835. https://doi.org/10.1590/1518-8345.1379.2835

Nunes DP, de Brito TRP, Duarte YAO, Lebrão ML. Cuidadores de idosos e tensão excessiva associada ao cuidado: evidências do Estudo SABE. Rev Bras Epidemiol 2018;21(Suppl 2):E180020.SUPL.2. https://doi.org/10.1590/1980-549720180020.supl.2

Abreu AISCS, Júnior ALC. Sobrecarga do cuidador familiar de paciente oncológico e a enfermagem. Rev Enferm UFPE on line 2018;12(4):976-86. https://doi.org/10.5205/1981-8963-v12i4a234371p976-986-2018

Oliveira MC, Boaretto ML, Vieira L, Tavares, KO. A percepção do cuidador familiar de idosos dependentes sobre o papel do profissional da saúde em sua atividade. Semina: Ciênc Biol Saúde 2015;35(2);81-90. https://doi.org/10.5433/1679-0367.2014v35n2p81

Muniz EA, Freitas CASL, Oliveira EN, Lacerda MR. Grau de sobrecarga dos cuidadores de idosos atendidos em domicílio pela Estratégia Saúde da Família. Saúde em Debate 2016;40(110):172-82. https://doi.org/10.1590/0103-1104201611013

Miranda ACC, Sérgio SR, Fonseca GNS, Coelho SMC, Rodrigues JS, Cardoso CL, et al. Avaliação da presença de cuidador familiar de idosos com déficits cognitivo e funcional residentes em Belo Horizonte-MG. Rev Bras Geriatr Gerontol 2015;18(1):141-50. https://doi.org/10.1590/1809-9823.2015.13173

Maciel AP, Luna PF, Almeida, TTG, Carvalho EP. Qualidade de vida e estado nutricional de cuidadores de idosos dependentes. Rev Kairós 2015;18(4):179-196. https://doi.org/10.23925/2176-901X.2015v18i4p179-196

Moreira NS, Sousa CS, Poveda VB, Turrini RNT. Self-esteem of cancer patients’ caregivers with reduced functional capacity. Esc Anna Nery 2015;19(2):316-22. https://doi.org/10.5935/1414-8145.20150043

Fuhrmann AC, Bierhals CCBK, Santos NO, Paskulin LMG. Association between the functional capacity of dependant elderly people and the burden of family caregivers. Rev Gaúcha Enferm 2015;36(1):14-20. https://doi.org/10.1590/1983-1447.2015.01.49163

Pereira S, Duque E. Cuidar de idosos dependentes – a sobrecarga dos cuidadores familiares. Revista Kairós – Gerontologia 2017;20(1):187-202. https://doi.org/10.23925/2176-901X.2017v20i1p187-202

Costa TF, Costa KNFM, Martins KP, Fernandes MGM, Brito SS. Burden over family caregivers of elderly people with stroke. Esc Anna Nery 2015;19(2):350-55.

Moura KR, Sousa EMS, Pereira KLA, Barroso LMFM, Miranda MS, Carvalho GCN. Sobrecarga de cuidadores informais de idosos fragilizados. Rev Enferm UFPE on line 2019;13(5):1183-91. https://doi.org/10.5205/1981-8963-v13i05a239086p1183-1191-2019

Lino VTS, Rodrigues NCP, Camacho LAB, O’Dwyer G, Lima IS, Andrade MKN. Prevalência de sobrecarga e respectivos fatores associados em cuidadores de idosos dependentes, em uma região pobre do Rio de Janeiro, Brasil. Cad Saúde Pública 2016;32(6):e00060115. https://doi.org/10.1590/0102-311X00060115

Viegas LM, Fernandes AA, Veiga MAPL. Intervenção de enfermagem no estresse do cuidador familiar do idoso com dependência: estudo piloto. Rev Baiana Enferm 2018;32:e25244. https://doi.org/10.18471/rbe.v32.25244




DOI: http://dx.doi.org/10.33233/eb.v19i3.3081

Apontamentos

  • Não há apontamentos.